quinta-feira, julho 18, 2024

Caminhoneiros contam desafios da estrada em websérie com Drauzio Varella

Vida de estradeiro não é fácil, isso a gente já sabe. É falta de ponto de apoio, defasagem do frete, e por aí vai. A equipe do Pé Na Estrada sempre traz reportagens documentando os perrengues vividos por esses profissionais. Recentemente, o SEST SENAT lançou uma websérie com doutor Drauzio Varella, onde três caminhoneiros e caminhoneiras contam os desafios encontrados na estrada. 

Nos relatos de “Vida na Estrada”, os carreteiros e carreteira também abordaram temas relacionados à qualificação profissional, mercado de trabalho e valorização profissional. Confira os três episódios abaixo. 

Episódio 1- Jovem caminhoneiro que começou na construção civil

No primeiro episódio, Yuri conta como chegou na profissão. O jovem começou a trabalhar aos 17 anos na construção civil. Para suprir a ausência de um colega, pediram que ele aprendesse a dirigir uma máquina pesada. Foi aí que ele descobriu qual profissão queria exercer na vida, a de caminhoneiro. No vídeo ele conta esse processo de preparação e como a função o satisfaz pessoalmente. Assista abaixo. 

Episódio 2- Caminhoneiro teve dificuldades para arranjar trabalho depois que veio da Europa

“Me profissionalizei lá e achei que quando voltasse para o Brasil, teria aquela oportunidade que sempre sonhei, que é ser motorista de pesados”, declarou Flávio no segundo episódio da websérie “Vida na Estrada”. O caminhoneiro começou a trabalhar com veículos pesados na Europa e quando voltou para o Brasil não conseguiu emprego. No vídeo ele conta quais formações fez para ingressar no mercado de trabalho em Goiânia. Assista o vídeo abaixo 

Episódio 3- Caminhoneira passa um ano e meio fazendo rotas do Mercosul para ganhar experiência

Leidiane tinha um sonho de infância que muitos consideravam impossível, ser motorista de carreta. Ela nem imaginava que conseguiria, mas chegou lá, só que trilhar esse caminho não foi fácil, antes ficou viúva e com duas filhas para criar, o que a quase a fez desistir do desejo. “Para mim era distante, quando eu me habilitei eu entrei em um carro de autoescola eu achei a coisa mais linda do mundo”, relata a caminhoneira. Ela conta no episódio 3 de “Vida na Estrada” como tentou a inclusão na área. Assista abaixo. 

Por Jacqueline Maria da Silva com informações do SEST SENAT

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Inscreva-se nos nossos informativos

Você pode gostar
posts relacionados