segunda-feira, junho 17, 2024

Agosto registra baixas na produção e vendas de caminhões. Confira os números da Anfavea

O mês de agosto foi marcado por baixas nas vendas e produção de caminhões no país. Os números de exportação também registraram quedas, de acordo com a Anfavea (Associação Nacional dos Fabricantes de Veículos Automotores).

Confira os números do mês de agosto:

Produção, Vendas e Exportação em agosto

  • Balanço de agosto/23

Os dados indicam que, na comparação entre agosto de 2022 e agosto de 2023, houve uma redução na fabricação de caminhões no país, com a produção de apenas 9,6 mil veículos no último mês.

Em relação às vendas, foram registradas 8,4 mil comercializações, encerrando o mês com uma queda de 25,5% em comparação com agosto do ano passado, quando 12,5 mil caminhões foram emplacados. No entanto, em comparação com julho de 2023, os registros apontam um aumento de 11,3%.

Quanto às exportações de veículos, mais uma vez, o mês registrou uma redução no envio de veículos ao exterior. Foram enviadas 34,5 mil unidades ao exterior em agosto, uma queda de 26,2% em comparação com o mesmo período do ano anterior, quando o país exportou mais de 46 mil veículos.

Balanço de agosto/23
Divulgação: Anfavea/ Arte: PNE

Ao analisar os números, a Anfavea destacou que este mês é o último da vigência da MP 1.175/23, que incentiva a compra de veículos, no caso de caminhões, por meio da renovação da frota, e ressaltou a necessidade de celeridade no processo para converter a medida em lei. Segundo a associação, ainda restam 700 milhões de reais para serem utilizados dentro do programa.

  • Vendas de Caminhões Elétricos e a Gás

Nas vendas de caminhões e ônibus elétricos e a gás, o mês registrou 28 emplacamentos, totalizando uma queda de 67,8% em comparação com o mesmo período de 2022, quando 87 unidades foram emplacadas.

Vendas de Caminhões Elétricos e a Gás
Divulgação: Anfavea

Vale destacar o baixo número de emplacamentos no ano, onde até o momento, foram vendidos apenas 316 caminhões e ônibus em 2023.

  • Vendas de Máquinas Agrícolas e Rodoviárias

Em relação às vendas de máquinas agrícolas, os registros de julho apresentaram uma queda de 8,9% nas comercializações, com a venda de 4.099 unidades no mês. No caso das máquinas rodoviárias, o mês também registrou números negativos, com a venda de 1.999 equipamentos, o que representa uma redução de 45,7% em comparação com junho de 2022.

Nas analises, as máquinas agrícolas são compostas por tratores de rodas e colheitadeiras de grãos, enquanto as máquinas rodoviárias são as retroescavadeiras, pás-carregadeiras de rodas, escavadeiras hidráulicas, motoniveladoras, rolos compactadores, minicarregadeiras e o manipulador telescópico.

Vendas de Máquinas Agrícolas e Rodoviárias
Divulgação: Anfavea

Vale destacar que, devido à dificuldade em registrar os números de vendas das máquinas, a Anfavea divulga os resultados com um mês de atraso.

Veja Também: Programa de crédito para caminhoneiro autônomo pagar IPVA e seguros está em pauta na Câmara

Por Daniel Santana com informações da Anfavea

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Inscreva-se nos nossos informativos

Você pode gostar
posts relacionados