quinta-feira, julho 7, 2022

Duplicação da BR-101 em Alagoas tem mais 65 quilômetros entregues

Com a recente conclusão das obras, a BR-101 agora tem 65 quilômetros de faixas duplicadas no estado de Alagoas. A liberação de um novo trecho na última segunda-feira (23), na região da cidade de São Miguel dos Campos (AL), pretende trazer benefícios à população local, tornando o trânsito mais confortável e seguro.

O transporte de cargas também ganha com a diminuição do tempo de viagem entre São Miguel dos Campos e a cidade vizinha de Teotônio Vilela.

O trecho recém-concluído

Trecho liberado fica entre São Miguel dos Campos e Teotônio Vilela
Foto: Ricardo Botelho/MInfra

O segmento liberado pelo Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT), tem 9 quilômetros e faz parte do lote 5 da BR-101/AL. Ao todo, as obras incluíram serviços de duplicação, com nova pista em pavimento rígido, drenagem e sinalização.

Com investimento de mais de R$ 50 milhões, a duplicação foi realizada em três trechos da rodovia:

  • Terra Nova (km 107,81 – km 110,11);
  • Sumaúma (km 112,21 – 114,31);
  • Varrela (km 119,51 – km 124,11).

Além disso, as obras de ampliação de capacidade da rodovia pretendem reduzir o número de acidentes, oferecer mais conforto e segurança aos usuários, facilitando o escoamento de produtos da região.

Recuperação de pistas afetadas pelas chuvas

Trecho afetado pelas chuvas
As fortes chuvas no primeiro semestre de 2022, afetou várias estradas pelo país. Divulgação: DNIT

Além da duplicação, o DNIT também concluiu os serviços de reconstrução em 2 quilômetros de pistas na região de São Miguel dos Campos. Com isso, o tráfego na travessia urbana da rodovia foi restabelecido.

A reconstrução foi uma solução de grande complexidade. Após o rompimento da rodovia devido às fortes chuvas, que resultou em uma erosão com 82m de desnível, o DNIT iniciou intervenções para desviar o tráfego e execução de dispositivos de drenagem para evitar que as águas pluviais seguissem em direção à erosão, evitando o prolongamento.

Assim que as chuvas na região diminuíram, foram iniciadas as obras na estrada. Além das obras de recuperação da pista, também foi implantado um novo sistema de drenagem pluvial no trecho.

O que diz o governo?

O ministro da Infraestrutura, Marcelo Sampaio, esteve na liberação dos novos trechos duplicados na BR-101 em Alagoas e destacou a dificuldade na realização das obras:

”Essa obra exigiu uma engenharia muito complexa e foi um compromisso do governo em refazer os trechos e pistas daqui do município de São Miguel dos Campos, que tiveram trânsito intenso nos últimos meses”.

Veja Também: DNIT libera trechos duplicados das BRs 116 e 101 na Bahia

 

Por Daniel Santana com informações do Ministério da Infraestrutura e do DNIT

 

 

 

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Inscreva-se nos nossos informativos

Você pode gostar
posts relacionados