segunda-feira, julho 22, 2024

Com destaque para veículos a Biometano e Elétricos, Scania apresenta novidades sustentáveis no Salão de Hannover

No retorno do IAA Transportation, o Salão de Hannover, na Alemanha, a Scania apresenta novidades sustentáveis de seu portfólio, ligadas às inovações com biometano e elétricos, e ainda destaca outros lançamentos da marca durante o ano. Ao todo, quatorze veículos estão em exibição em três áreas diferentes.

Destaques da Scania em Hannover

  • Dois novos potentes motores movidos a biogás

A Scania levou novas soluções de biogás para caminhões pesados com a apresentação de dois novos motores. O lançamento está alinhado à iniciativa da montadora, no início deste ano, quando foram apresentadas várias novas soluções de gás. Os novos motores de 13 litros fornecem potência de 420 e 460cv, atendendo a maior parte da alta demanda de energia do mercado na Europa, incluindo caminhões para longas distâncias.

O interesse pelo biometano para caminhões está aumentando rapidamente devido às iniciativas para descarbonizar o transporte rodoviário e abandonar o combustível fóssil. O uso do biometano pode reduzir as emissões de CO2 em até 90%, considerando o processo do poço à roda. A combinação de motores potentes e soluções de tanques/cilindros que proporcionam autonomias mais longas do que antes — tanto no biogás comprimido (CBG – Compressed Biogas) quanto no biogás liquefeito (LBG – Liquefied Biogas) — garante a todos os tipos de transportadores a oportunidade de escolher caminhões movidos pelo combustível mais sustentável.

Dois novos potentes motores movidos a biogás
Divulgação: Scania

Caminhões equipados com motor a gás são um marco importante da adesão da Scania às suas metas com base na ciência (Science-Based Targets), um compromisso da empresa de reduzir em 20% no geral as emissões de CO2 do uso de seus produtos até 2025, considerando 2015 como base. De acordo com a montadora, a eletrificação e a redução do uso de motores a combustão não serão suficientes para atingir suas próprias metas, nem as estipuladas no Acordo de Paris. Portanto, todos os meios disponíveis para atingir esse objetivo devem ser usados.

Além disso, os novos motores funcionam com combustão completa tanto do combustível quanto do oxigênio, sem precisar de diesel ou do AdBlue (Arla 32). As velas de ignição dão a partida, como nos motores a gasolina. A pré-mistura do gás ocorre no coletor de admissão, no percurso para os cilindros.

Os novos modelos a gás de 13 litros podem usar a caixa de câmbio automatizada Scania Opticruise G25, a mais recente lançada pela marca. Dessa forma, o motorista poderá realizar a troca das marchas de maneira suave, em seleções rápidas e ininterruptas. O torque máximo dos novos motores a gás é muito próximo do diesel e, assim como estes, os propulsores a gás oferecem recursos substanciais de economia de combustível. Os novos motores podem ser adquiridos a partir do terceiro trimestre de 2023.

  • Scania Super

Vale destacar que, em novembro de 2021, a Scania apresentou uma série de motores de 13 litros com capacidade para biocombustíveis e diesel. Foi feita uma promessa de marca de economia de combustível de 8% para longas distâncias usando os novos trem de força, motores, câmbio Opticruise e eixos traseiros. Esse patamar foi confirmado pela montadora em vários testes feitos por jornalistas independentes na Europa.

A nova plataforma do motor oferece desempenho superior, principalmente, devido ao comando duplo no cabeçote e ao Scania Twin SCR, um sistema de injeção dupla de Arla 32, que ajuda a aumentar a eficiência do processo de pós-tratamento.

Scania Super
Divulgação: Scania

Os novos motores possuem freio de cabeçote (CRB do inglês Compression Re-lease Brake) opcional, que garante melhor desempenho de frenagem do propulsor, e são acompanhados por serviços inteligentes como intervalos de manutenção flexíveis com base na operação real e no Scania ProCare (vigente na Europa) com renovações preventivas de componentes críticos.

A linha de motores mais recente da Scania é uma plataforma completamente nova, que a equipe de Pesquisa & Desenvolvimento global da fabricante desenvolveu desde o início. A montadora afirma que o novo trem de força recebeu um investimento total de mais de dois bilhões de euros.

A nova linha oferece aos clientes motores de combustão com mais eficiência energética, capacidade para uso de biocombustível, máxima economia operacional e redução das emissões de CO2 em um nível novo. Além disso, está adequada a vários tipos de aplicações de transporte e contribui de forma significativa para a redução da pegada de carbono.

  • Recentes soluções de veículos elétricos a bateria (BEV) para longas distâncias

Já no mês de junho, a Scania apresentou a Nova Geração de caminhões BEV (veículos elétricos a bateria), oferecendo cabines das linhas R e S (mais espaço, conforto e piso plano para os motoristas de longas distâncias) com duas saídas de potência e uma ampla gama de distâncias entre eixo — cobrindo cavalos mecânicos e chassis rígidos –, o panorama de cobertura de caminhões BEV tornou-se muito maior. Os dois diferentes níveis de potência estão disponíveis com até 624 kWh de baterias instaladas, o que significa que um caminhão de 40 toneladas pode alcançar autonomia de até 350 km. Juntos, esses números abrem caminho para uma variedade de aplicações para veículos no segmento urbano/regional.

A Nova Geração de caminhões BEV, com emissão zero, nas cabines R ou S, oferece 400 ou 450 kW de potência, suficientes para uma ampla diversidade de aplicações. O que primeiro vem à mente pode ser o transporte regional de longas distâncias (com pesos brutos de até 64 toneladas), mas as distâncias de eixo disponíveis e a potência do motor — 450 kW equivalentes a aproximadamente 610 hp — podem aumentar a autonomia do veículo para muitas demandas diferentes de operações de transporte.

Recentes soluções de veículos elétricos a bateria (BEV) para longas distâncias
Divulgação: Scania

A próxima geração de caminhões eletrificados da Scania está disponível para ambos modelos rígidos/plataforma e cavalo mecânico e carreta. Os alcances esperados variam de acordo com o peso, a configuração e topografia. Uma combinação de cavalo e carreta 4×2 de 40 toneladas com seis baterias pode atingir até 350 km entre cada carregamento, com base em uma velocidade média de 80 km/h nas rodovias. Uma típica combinação “nórdica” de 64 toneladas pode alcançar uma autonomia de aproximadamente 250 quilômetros nas mesmas condições.

Caminhões com rotas fixas também podem se beneficiar do carregamento planejado em seu centro de distribuição e/ou em seu destino regular de entrega. Segundo dados da Scania, ter uma oportunidade de carregamento das baterias no meio do dia — por exemplo, durante o tempo de descanso obrigatório de 45 minutos do motorista (padrão Europa) — poderá ajudar na aplicação de caminhões com um padrão operacional mais flexível, possibilitando que um basculante, por exemplo, circule livremente durante o dia nas áreas metropolitanas (isso se a autonomia de 350 km com que provavelmente comece o dia não for suficiente).

Os novos caminhões BEV da Scania podem ser vir como cavalos mecânicos 4×2 ou chassi rígidos 6×2*4. A configuração de rodas 4×2 necessitará de uma distância de eixo de 4.150 mm ao transportar seis baterias. Veículos com peso bruto total de até 64 toneladas poderão ser utilizados no chassi rígido 6×2.

A capacidade de carregamento das baterias é de até 375 kW, o que significa que uma hora de carga adiciona cerca de 270 a 300 km de alcance, como regra geral. O nível de potência contínua para um Scania 40 R ou S é de 400 kW (equivalente a 560 cavalos), enquanto um Scania 45 R ou S oferece 450 kW (cerca de 610cv). A nova geração de caminhões eletrificados Scania já pode ser encomendada e a produção vai começar no quarto trimestre de 2023.

Pé Na Estrada no Salão de Hannover

Como já é tradição, Pedro Trucão está presente na cobertura do IAA Transportation, o Salão de Transporte de Hannover, para mostrar as principais novidades no setor de transporte de cargas. Acompanhe nossas redes sociais com conteúdos especiais sobre o Salão e também o penaestrada.com.br com os principais lançamentos do evento.

Veja Também: Scania apresenta sua nova linha de ônibus com a tecnologia Euro 6

Por Daniel Santana com informações da Assessoria Scania

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Inscreva-se nos nossos informativos

Você pode gostar
posts relacionados