terça-feira, julho 23, 2024

Pagamento por aproximação em pedágios já é aceito em algumas rodovias estaduais

Nos últimos dias, algumas rodovias estaduais passaram a contar com a opção de pagamento por aproximação em alguns pontos de pedágios. A medida está valendo desde o dia 16 de novembro. Segundo a Arteris, concessionária que administra o trecho, a modalidade de pagamento estará disponível em 3.200 quilômetros de rodovias dos estados de São Paulo, Rio de Janeiro, Santa Catarina, Minas Gerais e Paraná. 

Dentre as rodovias estaduais contemplada com o modelo de pagamento estão: 80 km da SP-330, entre Cordeirópolis e Santa Rita do Passa Quatro; SP-330, entre Santa Rita do Passa Quatro e Ribeirão Preto; SP-334, que liga Ribeirão Preto e Franca; a SP-147; e SP-191, entre outras estradas que ficam na região centro-norte do Estado de São Paulo. Não obtivemos informações sobre os demais estados.

Vale lembrar que o sistema já foi implantado em outras vias desde junho deste ano pelas concessionárias nas rodovias Fernão Dias (São Paulo e Minas Gerais), Régis Bittencourt (São Paulo e Paraná), Fluminense (Rio de Janeiro), Planalto Sul e Litoral Sul (Paraná e Santa Catarina).

Pagamento por aproximação em pedágios de rodovias estaduais
Foto: Dilvulgação Arteris

O pagamento por aproximação

O pagamento é efetuado pelo motorista na cabine do pedágio por meio de cartão de débito, smartphones, smartwatches que estejam com o sistema NFC (Near Field Communication) habilitado. Esse programa, nada mais é, do que a tecnologia de comunicação por aproximação que permite a quitação. 

Em agosto desse ano, a concessionária Ecovias iniciou projeto de pagamento de pedágio nesse modelo por aproximação nas rodovias Carvalho Pinto e Imigrantes. Outro sistema de pagamento qeu também têm sido adotado por concessionárias é o free-flow, que funciona por leitura de Tag.

Já as praças de pedágio no km 645 da BR-365 contam, desde 2021, com pagamento via pix. No mesmo ano, o governador do Mato Grosso, Mauro Mendes, chegou a sancionar uma lei autorizando o pagamento de pedágios por essa modalidade nas rodovias do estado.

Leia também: Você tem 4 vezes mais chance de morrer de acidente em uma rodovia publica.

Por Jacqueline Maria da Silva com informações de release.

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Inscreva-se nos nossos informativos

Você pode gostar
posts relacionados