quarta-feira, maio 25, 2022

Tarcísio de Freitas deixa o ministério para concorrer ao governo de São Paulo

O ministro da infraestrutura Tarcísio Gomes de Freitas deixa, hoje, o ministério para concorrer ao governo de São Paulo. A noticia de sua exoneração foi publicada no Diário Oficial da União nesta quinta-feira (30), que anunciou o substituto Marcelo Sampaio Cunha Filho. A saída da função pública é uma exigência eleitoral para aqueles que desejam se candidatar a cargos políticos. 

A noticia da exoneração de Tarcísio de Freitas para concorrer ao governo de São Paulo

Tarcísio de Freitas deixou o Ministério da Infraestrutura para concorrer pelo Republicanos. Seus aliados, de acordo com jornal Valor Econômico, analisam um cenário positivo, ainda tendo em vista a desistência de João Dória para reeleição. Segundo notícia do portal R7, o O ex-ministro aparece em segundo lugar em quatro cenários, com todos os pré-candidatos, de uma pesquisa feita pela Real Time Big Data para a Record TV entre os dias 25 e 27 de março, com 14%, empatado com Márcio França e atrás de Fernando Haddad, que tem 27% das intenções de votos. 

No inicio de fevereiro deste ano, Tarcísio já havia anunciado a possível saída do cargo de ministro, pouco tempo depois o ministro se envolveu em uma polêmica sobre um possível pedido ao chefe da Policia Federal para “pegar leve” na fiscalização de caminhoneiros. Apesar da repercussão, o candidato é bem cotado entre os setores do transporte. 

Veja quais políticos deixaram o ministério para concorrer nas eleições de 2022

Outros ministros e funcionário do governo também abdicaram do cargo para se candidatar nas eleições de 2022. Com base em matéria do UOL, trouxemos uma tabela com quem sai, qual cargo, qual candidatura e os substitutos das funções.

FUNCIONÁRIO PASTA CANDIDATURA  SUBSTITUTO 
João Roma Ministério da Cidadania Governo da Bahia Ronaldo Vieira Bento – chefe de assessoria de assuntos estratégicos da pasta
Damaris Alves Ministério da Mulher, Família e Direitos Humanos Câmara Cristiane Brito- secretaria nacional de Politicas para Mulheres 
Marcos Pontes Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovações Pré-candidato federal por São Paulo Paulo Alvim- Secretário de Inovação da Pasta
Onyx Lorenzoni Ministério do Trabalho e Previdência  Governo do Rio Grande do Sul José Carlos de Oliveira – presidente do INSS
Flávia Peres  Secretaria de Governo  Pré-candidata ao Senado pelo Distrito Federal Célio Faria Junior- chefe do gabinete pessoal do presidente
Tereza Cristina Ministério da Agricultura  Senado Marcos Montes- secretário executivo da pasta 
Rogério Marinho  Ministério do Desenvolvimento Regional  Pré-candidato ao Senado pelo rio Grande do Norte Daniel Ferreira- secretário executivo da pasta 
Gilson Machado  Ministério do Turismo  Senado pelo estado de Pernambuco Carlos Brito- diretor-presidente da Embratur
Braga Netto  Ministério da Defesa Vice- presidente na chapa de Jair Bolsonaro Paulo Sérgio Nogueira 
Braga Netto  Comandante do Exército Vice- presidente na chapa de Jair Bolsonaro Marco Antônio Gomes

Quem é Marcelo Sampaio Cunha?

O nomeado ao Ministério da Infraestrutura, Marcelo Sampaio Cunha, é engenheiro civil e mestre em planejamento  de transportes pela Universidade Federal de Brasília, onde era responsável pelo programa de modernização, desburocratização e transformação digital do setor de infraestrutura. É especialista em economia no setor público e possui MBA em Gestão Pública.

De acordo com informações de seu Linkedin, o politico foi analista de infraestrutura do Ministério da Economia por 13 anos e ocupou cargos como Diretor de informações e gestão estratégica, subchefe de gestão Pública na Casa Civil. Além disso, ocupou diversas funções no Ministério dos Transportes, Portos e Aviação Civil e é atualmente presidente do DNIT (Departamento Nacional de Infraestrutura e Transporte).

Na rede social citada acima, Marcelo se expressou após a nomeação: “A passagem de bastão (ou melhor, de martelo) vem acompanhada de responsabilidade, mas também de muita alegria pelo sucesso dessa parceria com o amigo Tarcísio de Freitas . Um trabalho reconhecido por todo o Brasil. Um novo ciclo começa, e o nosso comprometimento no MInfra segue o mesmo”.

Por Jacqueline Maria da Silva com matérias do UOL, Valor Econômico e R7

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Inscreva-se nos nossos informativos

Você pode gostar
posts relacionados